Conecte-se conosco

Amazonas

Gastos da gestão Wilson Lima com propaganda em 2020 dariam para pagar o dobro a famílias pobres na pandemia

Governo gastou R$ 122,6 milhões na Secretaria de Comunicação, no ano passado, o dobro dos R$ 60 milhões que promete pagar a famílias pobres com o Cartão Auxílio Estadual.

O dinheiro gasto em 2020 pelo governador Wilson Lima (PSC) na Secretaria de Estado de Comunicação (Secom), responsável pela publicidade e propaganda do governo, daria para pagar o dobro do valor que o Estado promete repassar para cada uma das 100 mil famílias de baixa renda que têm direito ao chamado Cartão Auxílio Estadual.

O governo do Estado informou que o Cartão Auxílio Estadual vai pagar R$ 600, em três parcelas de R$ 200 a 100 mil famílias, o que soma R$ 60 milhões, menos da metade dos R$ 122,6 milhões gastos na Secom no ano passado, segundo o Portal da Transparência do Estado.

Para este ano, o governo já autorizou orçamento de R$ 84 milhões e já autorizou empenhos de R$ 14,3 milhões. Em 2019, o governo gastou R$ 68,7 milhões na Secom.

O Governo do Amazonas iniciou a entrega do Cartão de Auxílio Estadual no dia 1º de fevereiro. O cartão dá direito a um crédito de R$ 600, divididos em três parcelas de R$ 200. O valor pode ser usado exclusivamente na compra de itens da cesta básica, além de materiais de higiene e limpeza.

Para a seleção das famílias beneficiadas com o Auxílio Estadual, o Governo do Estado utilizou a base de dados do Cadastro Único (CadÚnico) para programas sociais do Governo Federal, tendo como mês de referência novembro de 2020.

Governo de Wilson Lima aditiva em mais R$ 68,7 milhões contratos com agências para propaganda