Conecte-se conosco

Mundo

Buenos Aires voltará a ter isolamento rígido após aceleração de infecções pelo novo coronavírus

Até sexta-feira, a Argentina registrava um total de 52.457 casos, com 1.167 mortes

Buenos Aires e os arredores da capital argentina irão retornar a um estágio rígido de isolamento obrigatório entre 1º e 17 de julho, informou o presidente da Argentina, Alberto Fernández, hoje (26). A medida será adotada por causa da aceleração das infecções pela Covid-19 que ocorreram nas últimas semanas.

Até sexta-feira, a Argentina registrava um total de 52.457 casos, com 1.167 mortes, números consideravelmente inferiores aos de alguns países vizinhos sul-americanos, como o Brasil, mas com grandes chances de crescer de forma exponencial em julho, segundo especialistas.

“Precisamos ganhar tempo para garantir que nosso sistema de saúde melhore e possa servir a todos, absolutamente todos os argentinos. A quarentena é um remédio para a pandemia, o único que conhecemos”, disse Fernández em pronunciamento pela televisão.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × três =

Need Help? Chat with us