Conecte-se conosco

Economia

Dólar abre a quinta-feira em alta e chega a bater R$ 4,60

Na véspera, a moeda norte-americana voltou a registar recorde nominal desde a criação do real e fechou o dia vendido a R$ 4,58

Logo após a abertura desta quinta-feira (5), o dólar superou o patamar de R$ 4,60 contra o real, subindo pelo 12° dia consecutivo em meio a expectativas de corte de juros pelo Banco Central devido aos riscos econômicos do coronavírus.

Na véspera, a moeda norte-americana voltou a bater recorde nominal desde a criação do real e fechou o dia vendido a R$ 4,58.

Desde o começo do ano, o dólar acumula valorização de 14,15%. O real tornou-se a moeda que mais se desvalorizou em todo o planeta em 2020. O euro comercial também bateu recorde nominal e fechou em R$ 5,105, com alta de 1,12%.

Além da divulgação de que o Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos) cresceu 1,1% em 2019, o mercado foi influenciado pela queda repentina dos juros pelo Federal Reserve (Fed), Banco Central norte-americano, que pode interferir nos juros básicos brasileiros, forçando novas reduções da taxa Selic (juros básicos da economia).

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

três × quatro =