Conecte-se conosco

Amazonas

Violência: De 2019 a março de 2022, Manaus teve 2.759 pessoas assassinadas

Em todo o Estado, de 2019 até março deste ano foram registrados 3.759 homicídios.

Foto: Tarcísio Heden/SSP-AM

O Painel de Dados da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP) registrou, entre o ano de 2019 até março de 2022, o total de 2.769 homicídios em Manaus. Em todo o Estado, foram registrados 3.759 assassinatos no mesmo período.

Segundo a SSP, a capital do Amazonas somou 839 assassinatos em 2019, mais 657 mortes violentas em 2020, e 1.060 homicídios em 2021. Este ano, conforme o painel, a Secretaria de Segurança já contabilizou 213 homicídios. Já em relação ao interior do Amazonas, até o momento foram registradas 83 mortes por arma de fogo ou branca.

Uma demonstração da violência que incide em Manaus a se deu no Feriadão da Semana Santa. Segundo dados do Instituto Médico Legal (IML), foram registradas 21 mortes por arma de fogo, branca e agressão física.
Já durante o dia 18 de abril, a capital do Amazonas registrou 5 assassinatos.

Estado violento

Na gestão do governador Wilson Lima (UB), o número de homicídios em Manaus aumentou 61,34% se for comparado o ano de 2020 com o ano passado. O dado ajudou a colocar o Amazonas em 2021 como o estado brasileiro em que mais cresceram os registros de crimes violentos por 100 mil habitantes, com o aumento de 54% nas ocorrências superando o índice nacional. O aumento de casos foi registrado no ano de 2021, em comparação com 2020, de acordo com dados divulgados pelo Monitor de Violência, elaborado pelo site G1, com informações fornecidas pelas instituições oficiais de segurança pública dos estados do Brasil.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

3 × quatro =