Conecte-se conosco

Amazonas

Morre em consequência da covid-19 o ex-prefeito de Manaus José Fernandes

O ex-governador Amazonino Mendes se solidarizou com amigos e familiares de José Fernandes e ressaltou que ele sempre foi uma pessoa pública dedicada, leal e preocupada com o estado.

Morreu na manhã desta segunda-feira, em Manaus, no hospital Check-Up, onde estava internado há uma semana, o ex-prefeito de Manaus e ex-deputado federal José Fernandes, de 76 anos. Ele contraiu a Covid-19 e não conseguiu superar o tratamento. Em abril o irmão dele, ex-deputado Miquéias Fernandes, já tinha falecido também ao contrair a doença.

José Fernandes era economista e ascendeu na carreira política nos anos 70. Comandou o extinto Departamento Estadual de Estradas e Rodagem e foi secretário de Transportes no governo de Enoque Reis. Elegeu-se pela primeira vez deputado federal em 1978, licenciando-se do mandato para assumir a Prefeitura de Manaus, escolhido pelo governador José Lindoso.

Entre as realizações dele no cargo destaca-se a construção da avenida Brasil, que corta o bairro da Compensa, fazendo a ligação entre o Centro e a região da Ponta Negra.

Depois da redemocratização, José Fernandes reelegeu-se deputado federal ainda para mais dois mandatos, participando no último da Assembleia Nacional Constituinte. Passou pelos partidos PDS, PDT e PTC.

O último cargo que exerceu foi o de secretário de Infraestrutura no segundo governo de Amazonino Mendes, na década de 90.

Trabalhou ainda na iniciativa privada, como CEO de uma grande construtora, e era professor aposentado da Universidade Federal do Amazonas.

Depois de se aposentar, José Fernandes, que era filho do pastor Benjamin e de dona Maria Fernandes, passou a se dedicar às atividades religiosas. Ajudou a fundar a Assembleia de Deus Tradicional e tornou-se pastor.

O enterro acontece nesta segunda-feira, no cemitério São João Baptista, com a presença apenas de familiares.

Membro fundador da Assembleia de Deus Tradicional no Amazona, era leitor contumaz e um homem de realizações e trabalho. Manteve incólume a sua fé em Deus diante das circunstâncias adversas da vida, recordando sempre a infância sofrida de escassez e lutas, no interior do Estado. Um de seus hinos preferidos, que sempre cantava , diz: ” Eis que caminhando num deserto, onde água não temos pra beber. Ah quem me dera chegar em Sião antes de anoitecer”.

O ex-governador Amazonino Mendes divulgou nota em que lamenta profundamente o falecimento do ex-prefeito José Fernandes, ocorrido nesta segunda-feira (12/10). Os dois atuaram juntos na década de 70, no Departamento de Estradas e Rodagem (DER-AM). José Fernandes foi também secretário de Infraestrutura no segundo governo de Amazonino, na década de 90.

Amazonino se solidariza com amigos e familiares de José Fernandes e faz questão de ressaltar que ele sempre foi uma pessoa pública dedicada, leal e preocupada com o estado.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove + 11 =

Need Help? Chat with us