Conecte-se conosco

Amazonas

Autor do pedido de impeachment de Wilson Lima diz que apresentou fatos sólidos comprovados em CPI

Em nota, Mario Viana disse que recebeu sem surpresa mas com extrema tristeza e decepção o arquivamento do processo pela base governista na Assembleia Legislativa do Estado (ALE).

O presidente do Sindicato dos Médicos do Amazonas (Simeam), Mario Vianna, divulgou nota, nesta sexta-feira, informando que o pedido de impeachment do governador Wilson Lima (PSC) e do vice-governador Carlos Alberto Almeida (PTB) teve elementos muito sólidos que também são investigados e estão sendo comprovados pela CPI da Saúde da Assembleia Legislativa do Estado (ALE).

Em nota, Mario Viana disse que recebeu sem surpresa mas com extrema tristeza e decepção o arquivamento do processo pela base governista na Assembleia Legislativa do Estado (ALE). Segundo ele o Simeam cumpriu com o seu papel de apresentar o pedido para afastar o governador. “ Alertamos que a sociedade amazonense espera transparência, isenção e respeito a causa pública por parte dos deputados estaduais”, diz a nota.

Mário Vianna diz que o Simeam respeita mas questiona a base do relatório do deputado Dr. Gomes que aponta o pedido de impedimento, de fazer acusações ao governo e a sua gestão pública de saúde, sem apresentar provas.

“No nosso modesto entendimento, é absurdo, pois não temos a autoridade para proceder investigações e colecionar provas, mas sim exatamente os parlamentares como fiscais do povo e apoiados pelas demais autoridades constituídas poderiam e deveriam investigar as denúncias por nós oferecidas”, diz Vianna na nota.

Segundo ele, cabe agora ao povo do Amazonas avaliar as atitudes de cada parlamentar, quais foram as suas ações para investigar, combater os desvios e propor soluções para superar o caos na saúde.

A nota encerra dizendo que o Simeam “continuará na trincheira defendendo os médicos e médicas do Amazonas, também a todos os profissionais de saúde. Nossa luta é por melhores condições de trabalho, remuneração digna e paga em dia, além de saúde pública de qualidade para os cidadãos amazonenses”.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × quatro =

Need Help? Chat with us