Conecte-se conosco
Publicidade

Amazonas

Aos 85 anos, morre Marise Mendes, ex-vereadora e secretária de Estado

Família informou que Marise sofreu parada cardíaca, fruto de complicações respiratórias e renais

Morreu, na manhã de hoje (14), aos 85 anos, a ex-vereadora e ex-secretária estadual de Assistência Social Marise Mendes. A família informou que ela teve uma parada cardíaca, fruto de complicações respiratórias e renais, no Hospital Check-Up, em Manaus. Marise era irmã do ex-governador Amazonino Mendes.

O ex-governador publicou em sua página no Facebook:  “Perdemos hoje nossa Marise, minha irmã.
Desde criança uma pessoa simples e fraterna, preocupada com os outros. Era uma guerreira social, inconformada com as injustiças, solidárias com aqueles que precisavam de uma palavra de conforto, de apoio. Desde cedo via nela refletido o espírito solidário do nosso pai Armando. Marise nos deixa bons ensinamentos, lembranças e muita saudade”.

Em nota, os filhos, netos e bisnetos de Marise lembraram a personalidade autêntica e defensora dos direitos humanos e dos mais necessitados durante a passagem da matriarca pelos cargos públicos que exerceu. “Temos a certeza de que em seu descanso eterno, ao lado do seu amado Fernando (seu esposo) estará sempre rogando por nós aqui na terra”, disse a mensagem, acrescentando que “Marise Mendes deixa como legado o respeito pelo bem público, pelos amazonenses e pela família”.

O governo do Amazonas emitiu nota e manifestou profundo pesar pela morte da ex-vereadora e irmã do ex-governador Amazonino Mendes.

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, e a primeira-dama Elisabeth Valeiko Ribeiro manifestam pesar, em nome de todos dos servidores públicos do município, pelo falecimento da ex-vereadora e ex-secretária de Estado e do município, Marise Mendes, ocorrido na manhã desta sexta-feira, 14/2, aos 85 anos, por complicações cardiorrespiratórias e renais.

“Recebemos a notícia com muito pesar. Dona Marise era uma pessoa pública comprometida com as causas sociais, sempre falando e trabalhando em favor dos menos favorecidos, tanto como secretária de Assistência Social quanto como vereadora ou exercendo a sua profissão de assistente social. Manaus e o Amazonas perdem uma pessoa pública dedicada e uma cidadã muito querida”, disse o prefeito, que determinou que seja decretado luto oficial por três dias.

O prefeito e a primeira-dama também estenderam sua solidariedade à família de Marise Mendes, representada por sua filha, Mônica Mendes; seus netos e seus irmãos, entre eles o ex-governador Amazonino Mendes; sobrinhos e demais familiares. “É sempre doloroso a perda de um ser querido e estendo minhas orações e minha solidariedade a todos, pedindo a Deus que lhes dê conforto aos corações”, disse Elisabeth Valeiko Ribeiro.

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), deputado Josué Neto, emitiu nota lamentando o falecimento em nome dos 24 deputados. “Todos rogam a Deus para que sua família, amigos e admiradores recebem o conforte de Deus Pai, Filho e Espírito Santo”, desejou Josué.

O corpo de D. Marise Mendes será velado no auditório Belarmino Lins, da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE), na Avenida Mário Ypiranga Monteiro, a partir das 19h desta sexta-feira, dia 14. Neste sábado haverá uma homenagem, seguida de culto ecumênico. O sepultamento será às 15h30, no Cemitério São João Batista, na zona centro-sul de Manaus.



Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − seis =