Conecte-se conosco

Notícias

Queda na popularidade de Bolsonaro é maior no Norte/Centro-Oeste, diz Ibope

Segundo pesquisa CNI/Ibope divulgada nesta quinta-feira (27), o percentual de brasileiros que avaliam o atual governo como ruim ou péssimo chegou a 32%, ante 27% registrados em abril.

A queda na popularidade do presidente Jair Bolsonaro (PSL), entre abril e junho, foi maior entre os residentes nas regiões Norte/Centro-Oeste e Nordeste, as mulheres, entre os respondentes com até a quarta série da educação fundamental, entre os brasileiros com menor renda familiar e O maior aumento no percentual de ruim ou péssimo ocorre entre os residentes nas regiões Norte e Centro-Oeste: de 20% para 33%.

É o que mostra pesquisa nacional do Ibope divulgada nesta quinta-feira (27) sobre o governo de Bolsonaro, com o seguinte resultado: ótimo/bom: 32%; regular: 32%; ruim/péssimo: 32%; e não sabe/não respondeu: 3%. Segundo a pesquisa, parcela importante da mudança, com relação à pesquisa anterior, deve-se à redução do percentual dos indecisos, ou seja, aqueles que não souberam ou não quiseram responder a pergunta. Em abril, os números foram: ótimo/bom: 35%; regular: 31%; ruim/péssimo: 27%; não sabe/não respondeu: 7%.

A pesquisa foi encomendada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). De acordo com a entidade, o levantamento foi feito entre os dias 20 e 23 de junho e ouviu 2 mil pessoas em 126 municípios. O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *