Conecte-se conosco

Amazonas

Superintendência da Zona Franca de Manaus atualiza pedido de edital de Concurso para 200 vagas

Um novo pedido de concurso Suframa foi encaminhado ao Governo Federal para o provimento de 200 vagas.

A Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) realizou um novo pedido de concurso público para provimento de 200 vagas em cargos de nível superior de formação.

superintendencia-da-zona-franc

superintendencia-da-zona-francO ofício que confirma a solicitação de vagas foi assinado pelo superintendente João Bosco Gomes Saraiva e encaminhado ao Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços.

Além disso, a Suframa estabeleceu que o edital de abertura, caso aprovado, deverá ser publicado em dezembro deste ano. Já as provas objetivas e discursivas devem ser aplicadas em março de 2025. As datas mencionadas são previsões feitas pelo próprio órgão.

Um pedido para realização de concurso público da Suframa já havia sido realizado anteriormente, em ofício enviado pelo deputado federal Sidney Leite à Casa Civil e solicitava 200 vagas para preenchimento de cargos de nível superior:

Segundo o documento, a Suframa tem enfrentado desafios significativos para garantir a continuidade dos serviços públicos essenciais que prestam à região, e o preenchimento dessas vagas efetivas é crucial para manter a eficiência e eficácia desses serviços. Além disso, a previsão é que até 2027, cerca de 85 servidores estejam em condições de se aposentar.

O último edital do concurso da Superintendência da Zona Franca de Manaus foi lançado em 2013, sob organização do Cespe.

Na época foram ofertadas 241 vagas imediatas, sendo 37 para cargos de nível médio e 204 para cargos de nível superior de formação. Foram registrados, no total 29.439 inscritos.

Carreira na Suframa

Remuneração

Analista Técnico-Administrativo e cargos de nível superior
Inicial: R$ 10.346,14
Final: R$ 18.583,74
Cargos de nível médio
Inicial: R$ 5.166,95
Final: R$ 7.607,97

Requisitos dos cargos

Administrador: nível superior e administração e registro no órgão de classe.
Analista de Sistemas: nível superior na área de informática.
Analista Técnico-Administrativo – Geral: nível superior em qualquer área de formação e registro no órgão de classe.
Analista Técnico-Administrativo – Demais áreas: nível superior em área específicas (conforme edital) e registro no órgão de classe.
Bibliotecário: nível superior em Biblioteconomia e registro no órgão de classe.
Assistente Social: nível superior em Serviço Social e registro no órgão de classe.
Contador: nível superior em Ciências Contábeis e registro no órgão de classe.
Economista: nível superior em Economia e registro no órgão de classe.
Engenheiro: nível superior em área específicas (conforme edital) e registro no órgão de classe.
Agente Cdministrativo: nível médio ou curso técnico equivalente.
Técnico em Contabilidade: curso técnico em contabilidade.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 × um =