Conecte-se conosco

Amazonas

Polícia investiga como menino de 9 anos foi sozinho, de avião, de Manaus para São Paulo

A Latam disse que acionou a Polícia Federal e o Conselho Tutelar após identificar que o menor estava sozinho no voo.

Menino embarcou no aeroporto Eduardo Gomes sem ser percebido. (Foto:Divulgação/Infraero)

As polícias Federal, Civil, a Infraero e a companhia aérea Latam investigam como um menino de 9 anos embarcou sozinho no aeroporto internacional Eduardo Gomes, em Manaus, sem passagem aérea, sem documentos, sem malas, e desembarcou no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. A informação é do g1 Amazonas.

Morador da Zona Oeste, o garoto foi dado como desaparecido na manhã de sábado (26). No final do dia, a mãe recebeu um telefonema da Infraero comunicando que o filho foi encontrado, desacompanhado, no aeroporto da cidade de Guarulhos (SP).

A Latam disse que acionou a Polícia Federal e o Conselho Tutelar após identificar que o menor estava sozinho no voo. Ele foi encaminhado para um abrigo para aguardar os trâmites necessários até a recondução dele para Manaus.

A companhia aérea não deu mais detalhes e informou que ainda está apurando o ocorrido.

Ao g1, o Aeroporto Internacional de Manaus alegou que o caso está sob apuração interna, assim como a verificação das imagens das câmeras de segurança.

O Aeroporto Internacional de Manaus também disse que “preza pela segurança de todos e segue os procedimentos e normas de segurança da aviação civil”.

Investigações da polícia

Por meio de nota, a assessoria da Polícia Civil informou que durante as investigações em torno do caso, os agentes constataram que o menino agiu sem a ajuda de adultos, e, antes de partir, realizou pesquisas na internet de como entrar em um avião.

Além disso, a investigação inicial apontou que a criança não tem histórico de violência familiar e, durante depoimento, o menino informou que o motivo da viagem seria o desejo de morar em São Paulo, com outros familiares.

A família já foi ouvida, e a criança encontra-se sob a tutela dos pais. As câmeras de segurança do aeroporto foram solicitadas.

Mãe detalha o sumiço logo pela manhã
Em entrevista ao g1, a mãe do menino, a eletricista Daniele Marques, contou que percebeu que o filho não estava em casa nas primeiras horas da manhã de sábado (26). Eles moram na comunidade União da Vitória, bairro Tarumã.

Depois de registrar boletim de ocorrência na delegacia, e começar a divulgar a imagem do filho nas redes sociais, a eletricista recebeu a ligação de um funcionário da Latam, por volta das 22h daquele mesmo dia, informando que a criança estava no aeroporto de Guarulhos (SP).

Após trâmites e negociações entre o Conselho Tutelar e a companhia aérea, o garoto voltou a Manaus na manhã de domingo (28).

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

8 − oito =