Conecte-se conosco

Amazonas

Pesquisa em Manaus aponta queda na aprovação da gestão do governador Wilson Lima

De acordo com a pesquisa feita entre os dias 10 e 15 de abril, 51% desaprovam e 46,5% aprovam a gestão do governador.

parana-pesquisa-aponta-queda-n

Levantamento feito entre os dias 10 e 15 de abril pelo Instituto Paraná Pesquisas e divulgado nesta terça-feira (16/04) aponta que 51% dos eleitores de Manaus desaprovam a gestão do governador do Amazonas, Wilson Lima (UB).

parana-pesquisa-aponta-queda-n

 

De acordo com a pesquisa, menos da metade dos entrevistados (46,5%) aprovam a gestão do governador, contra a maioria (51%) que desaprova e 2,5% que não souberam responder ou não opinaram.

Segundo o Instituto Paraná, a aprovação da gestão do governador do Amazonas caiu 8,1 pontos percentuais, de 54,6%, em novembro, para 46,5%, em abril. E a desaprovação aumentou 10 pontos, de 41% para 51%, no mesmo período.

A pesquisa ouviu 800 eleitores na cidade de Manaus, que tem 2,1 milhões de habitantes e é a maior cidade da Amazônia e a sétima maior do país.

Prefeito

A pesquisa também apontou que o prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), e o deputado federal Amom Mandel (Cidadania), estão empatados tecnicamente na disputa pelo governo municipal na eleição deste ano.

Segundo a sondagem, no principal cenário, Almeida tem 29,3% das intenções de voto contra 25,9% de Mandel – como a margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos, eles estão em situação de empate técnico.

Na pesquisa, atrás dos dois principais competidores, aparecem o deputado federal Capitão Alberto Neto (PL), com 11,5%; o deputado estadual Roberto Cidade (União Brasil), com 7,6%; e o ex-deputado federal Marcelo Ramos (PT), com 6,3% — os três estão empatados na margem de erro.

Na sequência na corrida à prefeitura, segundo a pesquisa divulgada hoje, aparecem a advogada Maria do Carmo Seffair (Novo), com 2,9%; e o deputado estadual Wilker Barreto (PMN), com 2,5%. Entre os entrevistados, 8,3% disseram que iriam votar em branco, nulo ou nenhum, enquanto 5,9% não souberam ou não responderam.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis − 3 =