Conecte-se conosco

Amazonas

Pesquisa da EAS Consultoria e Estatística dá a Amazonino o dobro de votos sobre o segundo colocado

O levantamento foi feito entre os dias 5 e 8 de agosto com 1.200 entrevistados e registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número AM-04700/2020.

Pesquisa de intenção de votos para prefeito de Manaus nas eleições de 2020 elaborada pela EAS Consultoria Estatística e divulgada no site Amazonas Atual aponta liderança do ex-governador Amazonino Mendes (Podemos), que aparece com 29,3% dos votos, seguido do ex-governador David Almeida (Avante) com 15,1%, e o deputado federal José Ricardo (PT) com 6,3%. Na rejeição, o ex-prefeito de Manaus Alfredo Nascimento (PL) lidera com folga.

O levantamento foi feito entre os dias 5 e 8 de agosto com 1.200 entrevistados e registrado no TSE (Tribunal Superior Eleitoral) sob o número AM-04700/2020.

No primeiro cenário, Mendes, Almeida e Ricardo são sucedidos de Alfredo Nascimento, com 5,7%; Capitão Alberto Neto (Republicanos), com 5,5%; Coronel Menezes (Patriotas), com 4,6%; Conceição Sampaio (PSDB), com 4,0%; Marcos Rotta (DEM), com 3,7%; Ricardo Nicolau (PSD), com 2,3%; Hissa Abrahão (PDT), 2,2%; e Romero Reis (Novo), com 0,7%.

Com o nome de 11 pré-candidatos, a pesquisa aponta que 11,2% disseram que não votariam em nenhum dos candidatos, 3,2% não sabem ou não responderam, 3,0% anulariam o voto, 2,2% votariam em branco e 0,8% não iria votar.

Em um segundo cenário, Amazonino (27,5%) ficaria na frente, seguido de David Almeida (14,3%), José Ricardo (6,3%), Alfredo Nascimento (5,8%), Capitão Alberto Neto (5,7%), Coronel Menezes (4,6%), Marcos Rotta (4,0%), Serafim Corrêa (3,9%), Conceição Sampaio (3,0%), Ricardo Nicolau (2,1%), Chico Preto (1,5%), Hissa Abrahão (1,5%), Josué Neto (1,4%) e Romero Reis (0,5%).

A pesquisa aponta que 9,0% não votaria em nenhum desses candidatos do segundo cenário, 3,2% não saberia em quem votar, 2,6% votariam em branco, 2,5% nulo e 0,6% prefeririam não votar.

No terceiro cenário, Mendes também lidera, com 27,5% dos votos. Em seguida, aparece Almeida (14,3%), José Ricardo (6,3%), Alfredo Nascimento (5,8%), Capitão Alberto Neto (5,7%), Coronel Menezes (4,6%), Marcos Rotta (4,0%), Serafim Corrêa (3,9%), Conceição Sampaio (3,0%), Ricardo Nicolau (2,1%), Chico Preto (1,5%), Hissa Abrahão (1,5%), Josué Neto (1,4%) e Romero Reis (0,5%).

De acordo com a EAS Consultoria, nesse cenário, 9,1% não votariam em nenhum dos 14 candidatos, 3,2% não sabem ou não responderam, 2,6% votariam em branco, 2,5% anulariam o voto e 0,6% não iria votar.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

dezessete − catorze =