Conecte-se conosco

Amazonas

MP-AM constata espera de 10 minutos a 1h30 em postos de vacinação de idosos em Manaus

O MP-AM solicitou uma audiência com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no dia 04/03, para tratar de alguns ponto a serem corrigidos, constatados durante a inspeção.

O Ministério Público do Amazonas (MP-AM) informou que está acompanhando a vacinação de idosos contra a Covid-19, em Manaus, por intermédio das Promotorias de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa e Pessoa com Deficiência. Nesta terça-feira (02), e que o promotor de Justiça Vitor Moreira, titular da 42ª Promotoria com atuação na área, visitou os postos montados no estacionamento da Universidade Paulista (UNIP) e no Centro Cultural Povos da Amazônia (foto de baixo).

O Promotor foi recebido pelas enfermeiras coordenadoras de cada posto e verificou que os idosos entre 65 e 69 anos chegavam de carro e a pé. Para os que chagavam a pé, havia uma van que fazia o trajeto entre a entrada e o posto de vacinação. Aos idosos que chegavam de carro, a vacinação deu-se no estilo drive thru, sem necessidade de saída do carro. Todos os idosos passavam por um protocolo de triagem e vacinação.

O tempo de espera de cada posto variava de 30 minutos a 1h e 30 min, no posto da UNIP, e de 5 a 10 minutos, no posto do Centro Cultural. A espera tem sido maior para aqueles que chegam antes das 9 horas. O número de vacinados no primeiro dia de vacinação, nos dois postos, não foi diferente: cerca de 900 idosos foram vacinados no primeiro dia.

O MP-AM solicitou uma audiência com a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), no dia 04/03, para tratar de alguns ponto a serem corrigidos, constatados durante a inspeção.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *