Conecte-se conosco

Amazonas

Ex-prefeito de Iranduba, Nonato Lopes, morre aos 71 anos vítima de Covid-19

Lopes, que também foi ex-deputado estadual e ex-secretário de Segurança do Amazonas, estava internado há quase duas semanas em hospital particular de Manaus para tratar do novo coronavírus.

O ex-deputado estadual e ex-prefeito de Iranduba, Nonato Lopes, 71, morreu na manhã deste sábado (12) depois de complicações causadas pelo novo coronavírus. Ele estava internado há cerca de duas semanas em uma unidade de saúde da rede particular, mas não resistiu ao agravamento do quadro, conforme a nota de pesar do Governo do Amazonas.

Em 2020, Lopes era pré-candidato à prefeitura de Iranduba (a 27 quilômetros a sudoeste de Manaus), município que governou no período de 2008 a 2012. Pelo Pode Executivo do Estado, Nonato Lopes também foi secretário de Segurança Pública do Amazonas.

O prefeito de Manaus, Arthur Neto, decretou luto oficial na capital pelo falecimento do político, que era filiado ao partido MDB. Na nota de pesar, a Prefeitura informou que na segunda quinzena de agosto, Lopes, e a esposa, Graça Lopes, foram diagnosticados com pneumonia e, posteriormente, com Covid-19. Internados em um hospital particular de Manaus, a esposa de Nonato recebeu alta há uma semana.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze + 20 =

Need Help? Chat with us