Conecte-se conosco

Amazonas

Deputado diz que Governo do Amazonas não paga data-base dos PMs: “não valoriza os servidores”

O parlamentar disse que os policiais militares precisam ser valorizados porque eles arriscam as suas vidas para proteger a população.

Concurso da Polícia Militar do Amazonas oferta 1,3 mil vagas. (Foto: Ive Rylo/g1 AM)

O deputado estadual Dermilson Chagas (Republicanos) cobrou, do Governo do Amazonas, novamente, quarta-feira (13/7), o pagamento da data-base dos policiais militares, que, informou, receberam apenas um percentual de 3,3% de reposição salarial que está muito abaixo da inflação e que ainda não receberam o pagamento de suas promoções.

O parlamentar disse que o Governo do Amazonas não valoriza a tropa, “cujos homens são responsáveis pela segurança de toda a população do Estado e colocam suas vidas em risco para exercer as suas atividades cotidianas”.

“O Governo do Amazonas não valoriza o servidor público e não dá prioridade à Segurança Pública. Eu visito os municípios e encontro as delegacias e as Cicoms com suas estruturas todas deterioradas e que não têm nem banheiro para os servidores fazerem suas necessidades”, comentou o deputado Dermilson Chagas, destacando que o trabalho da Polícia Militar merece dignidade, especialmente porque a violência cresceu no Amazonas, tornando o trabalho dos PMs ainda mais difícil, porque não há investimento em estrutura, em armamento, em tecnologia nas atividades de apoio do trabalho executado pelos policiais militares.

O deputado Dermilson Chagas criticou o Governo do Amazonas por priorizar o pagamento de desapropriações de terrenos, ao invés de fazer investimentos na Segurança Pública para conseguir fazer ações que de fato combatam o narcotráfico, a pirataria nos rios do Amazonas, os constantes assaltos, roubos e assassinatos, além da exploração ilegal de ouro em todo o Estado.

“O custo de permanência do governador no cargo é muito alto para o povo do Amazonas. As consequências estão aí para provar o que eu digo, pois eu já falei da tribuna várias vezes que a omissão e negligência de muitos que sustentam esse governo vai aprofundar um estado de caos na segurança pública que vai se tornar irreversível, está aí o narcotráfico, como disse o ministro do STF, roubando a soberania da Amazônia”, disse.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

7 + 12 =