Conecte-se conosco

Amazonas

Deputado diz que arrecadação do AM bate recordes, mas não se reflete em empregos, obras, segurança, saúde e educação

Dermilson Chagas informou que o Estado já arrecadou, em apenas cinco meses, mais de R$ 12 bilhões.

O deputado Dermilson Chagas (Republicanos) afirmou que o crescimento de 29% na arrecadação tributária do Amazonas nos primeiros cinco meses deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado não refletem melhoria, sobretudo a educação, segurança e saúde para a população do Estado.

o Amazonas fechou os cinco primeiros meses de 2022 com uma receita de R$ 12 bilhões, contra uma receita registrada no mesmo período de 2021, de R$ 9,3 bilhões, de acordo com dados do Portal da Transparência do Estado. Em cinco meses, a receita do Estado para 2022 já é mais da metade da inicialmente prevista para o ano inteiro, de R$ 23,6 bilhões.

O parlamentar destacou que o Estado do Amazonas vem batendo recordes sucessivos de arrecadação tributária desde 2019, quando foi arrecadado mais de R$ 19,9 bilhões. Em 2020, foram mais de R$ 22,7 bilhões. Em 2021, o arrecadado foi mais de R$ 25,5 bilhões. O deputado Dermilson Chagas frisou que todos os dados foram extraídos do Portal da Transparência do Governo do Amazonas.

“Esse crescimento é bem visível e dá para perceber o volume de recursos que está entrando nos cofres do Estado, mas também é visível a falta de investimento em infraestrutura, em grandes obras para poder melhorar a vida da população e gerar emprego. Neste momento, a geração de emprego é fundamental, e o Governo, através da construção civil, com esses recursos disponíveis, poderia fazer isso”, destacou o deputado.

Segundo Dermilson, o cidadão não vê a aplicação desses recursos em grandes obras, para gerar emprego e mudar a vida das pessoas. “Só mostra que o Estado vem arrecadando cada vez mais sem ter retorno para um melhor atendimento na saúde, uma melhor segurança e uma melhor qualidade de vida para o povo do Amazonas”, afirmou.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

cinco × um =