Conecte-se conosco

Amazonas

Aumento da criminalidade no Amazonas invade Assembleia do Estado, que tem maioria de deputados governistas

Na semana passada, o presidente da ALE, Roberto Cidade, que é do União Brasil, partido do governador Wilson Lima, cobrou reforço na segurança dos bairros.

A falta de segurança pública aliada ao aumento da criminalidade em Manaus e em municípios do interior do Estado, invadiu o plenário da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE) na terça-feira (12/07), onde a maioria esmagadora dos parlamentares é aliada do governador do Estado, Wilson Lima (UB).

Os altos índices de criminalidade no Estado foram repudiados pelo deputado estadual Delegado Péricles (PL), durante discurso e debate por mais de 30 minutos com outros parlamentares.

Com números referentes a homicídios, latrocínios e investimentos em inteligência , o deputado estadual Delegado Péricles (do partido do presidente Jair Bolsonaro, o PL) cobrou medidas efetivas e proximidade maior da gestão com o parlamento e outros poderes no sentido de trazer mais segurança para a população do estado.

“Vivemos um momento preocupante da nossa segurança pública, onde a população está refém da criminalidade, e não se vê um movimento do Estado pra que se mude essa realidade. Não podemos nos calar. Não é à toa que somos cinco deputados, apenas na manhã de hoje, trazendo o tema segurança pública pra essa Casa. Isso reflete o que está na ponta, que é a população clamando por segurança”, afirmou o deputado.

De acordo com dados apresentados por Péricles, o Amazonas figura hoje como o segundo estado brasileiro com a maior variação de latrocínios entre 2020 e 2021, além de ter apresentado a maior variação de homicídios dolosos, com 56% a mais de crimes registrados.

“Estamos na contramão do país. O Amazonas hoje é o segundo no país que menos investe em inteligência. A Seai praticamente não existe. Isso não pode mais continuar acontecendo. É ausência de gestão”, continuou o parlamentar.

“Não se trata somente de piratas nos rios. O terror está espalhado aqui, na cidade mesmo. E quando eu subo à Tribuna não quero dizer que quanto pior melhor. Não. Quero que Executivo se reúna com o parlamento e tome providências efetivas. É isso que nós queremos aqui”, disse.

Presidente

Na semana passada, o presidente da ALE, Roberto Cidade, que é do União Brasil, partido do governador Wilson Lima, cobrou reforço na segurança dos bairros São Jorge, Glória e Santo Antônio, zona Oeste de Manaus.

“Atendendo demanda da população dessa região da cidade, estamos solicitando reforço policial, por meio de intervenções pontuais e estratégicas, seja com barreiras policiais ou reforço das guarnições com viaturas de unidades especializadas. A presença ostensiva da briosa Polícia Militar do Amazonas nessas áreas, com certeza, irá assegurar a preservação da ordem pública e garantirá maior segurança à população”, opinou.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

um × 2 =