Conecte-se conosco

Amazonas

Assassinatos explodem em Manaus e delegacia de homicídios tem plantão reduzido, diz sindicalista

O mês de outubro de 2021 foi marcado por 99 homicídios, um aumento de 68,67% no número de mortes se comparado com o mesmo mês de 2020

Delegacia especializada na apuração dos homicídios em Manaus – Foto: Alaísson Santos/SSP

A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) registrou em 2021, até outubro, 852 homicídios em Manaus. O dado indica um aumento de 29,68% no número de casos se comparado com todo o ano de 2020, que foi marcado por 657 assassinatos.  Enquanto os assassinatos “explodiram” , o governo reduziu o plantão da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), segundo  o presidente do Sindicato dos Funcionários da Polícia Civil do Estado do Amazonas (Sinpol-AM), Jaime Lopes.

De acordo com Jaime, desde setembro, a DEHS, única especializada em homicídios e sequestros no Estado,  sofreu redução no quadro de policiais e só conta com o apoio das Centrais de Flagrantes (Distritos Integrados de Polícia/DIP) no horário noturno. Ele informou que, antes, a equipe plantonista tinha  um delegado, um escrivão e dois investigadores. E agora, disse, tem  dois investigadores e os DIPs, não especializados, já sobrecarregados, foram obrigados a atuar também nos assassinatos.

“A legislação diz que em local de crime (homicídio), é necessária a presença de um delegado de polícia. Quando a equipe é montada com os investigadores, delegado e escrivão, a apuração fica mais ágil, porque a equipe já inicia a busca por testemunhas no local de crime, as oitivas que são de suma importância para elucidação do crime. Mas o que acontece hoje, por exemplo, se ocorrer um homicídio, hipoteticamente, no bairro Nova Cidade, os policiais da DEHS são acionados assim como os plantonistas do 6º DIP. Toda a área da zona norte é coberta pelo 6º DIP”, informou Jaime.

Explosão de mortes

De janeiro a outubro deste ano, foram registrados 852 homicídios ocorridos na capital amazonense. O dado aponta um aumento de 29,68% no número de casos se comparado com todo o ano de 2020, que foi marcado por 657 assassinatos. As informações são do Painel de Dados da SSP-AM.

O mês de outubro de 2021 foi marcado por 99 homicídios. Ao ser comparado com o mesmo mês do ano passado, este ano houve um aumento de 62,63%, ou seja, em 2020, ocorreram 37 assassinatos.

De acordo com o Painel, o número de homicídios ocorridos na capital de janeiro a outubro deste ano supera também o total de assassinatos registrados em 2019, antes da pandemia, que teve  839 assassinatos.

Ainda de acordo com o Painel da SSP, o mês de setembro deste ano continua sendo o mês mais violento em número de assassinatos, com 101 homicídios, enquanto nos anos de 2020 e 2019, no mesmo mês, foram registradas 51 e 94 casos, respectivamente.

© 2019-2021 - 18 Horas - Todos os direitos reservados.
Rede de Rádio Difusão Novidade Técnica LTDA
34.503.722/0001-80