Conecte-se conosco

Amazonas

Ao Antagonista, senador diz que ‘Secretaria de Saúde do Amazonas virou antessala da delegacia’

Eduardo Braga disse que 13 mil amazonenses morreram e não foi por falta de dinheiro para enfrentar a pandemia

Wilson Lima é investigado por compra superfatura de respiradores em loja de vinho e é réu por cinco crimes

O senador Eduardo Braga (MDB) em entrevista ao site O Antagonista que a operação da Polícia Federal, que hoje (02/06) cumpriu buscas na casa e no gabinete do governador Wilson Lima (PSC) mostra que 13 mil amazonenses morreram de Covid-19 por causa de uma gestão corrupta e incompetente.

“Lamentavelmente, 13 mil amazonenses morreram e não foi por falta de dinheiro para enfrentar a pandemia. Foi corrupção e falta de competência, planejamento, gestão e responsabilidade. O que aconteceu foi criminoso”, disse Eduardo Braga.

Ele lembra que todos os secretários de Saúde da atual gestão foram presos, com exceção do vice-governador, que está sendo investigado. “Virou antessala de delegacia”.

Braga ressalta que esta e outras investigações mostram a necessidade da CPI da Covid no caso do Amazonas, mas que não está convencido da ampliação generalizada dos trabalhos do colegiado.

“A crise de oxigênio em Manaus foi o fato determinado para a abertura da CPI. Quanto aos demais estados, é preciso que surjam fatos conexos. Havendo conexão, não há dúvidas”.

Clique para comentar

Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

catorze + 8 =